Compartilhar:

Muçulmanos viram heróis e salvam vítimas de incêndio em prédio de Londres

Muçulmanos desempenharam papel fundamental para alertar e resgatar vítimas do incêndio em prédio em Londres; por conta do Ramadã, muitos deles estavam acordados na noite de terça (12) e impediram uma tragédia ainda maior no prédio de 27 andares, consumido pelas chamas

15 de junho de 2017 Às 15:20

Muçulmanos acordados por conta do Ramadã podem ter sido os heróis que ajudaram a salvar vidas no incêndio na Grenfell Tower em Londres. Nesta terça-feira (13), um incêndio destruiu um prédio de 27 andares na capital britânica. Moradores que escaparam das chamas disseram não ter ouvido os alarmes de incêndio serem disparados.

Os moradores foram alertados por vizinhos muçulmanos, que estavam acordados de madrugada por conta do ritual religioso e perceberam algo de errado no prédio vizinho. O incêndio começou por volta da meia-noite e os muçulmanos foram vitais para alertar e resgatar os moradores do prédio das chamas – eles também forneceram roupas e comida aos vizinhos.

O Ramadã é um período sagrado para os muçulmanos e consiste, dentre outras práticas, no jejum entre o pôr-do-sol e a alvorada. Isso explica porque muitos vizinhos da Grefell Tower estava acordado tarde da noite.

Compartilhar:

AVISO: O conteúdo de cada comentário nesta página é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.