Arrascaeta agora é oficialmente jogador do Flamengo. Depois de uma longa negociação, que envolveu um desentendimento público entre o meia e o seu antigo clube, o Cruzeiro, e reuniões em Montevidéu, a direção do time carioca oficializou na noite deste sábado a contratação do jogador uruguaio.

Em uma mensagem 'capturada' de WhatsApp e postada em seu Instagram, o uruguaio destacou a 'felicidade' de viver uma nova etapa em sua vida. Disse que chega ao novo clube para ser campeão e agradece ao seu ex-clube: 'Muito obrigado Cruzeiro por ter me recebido e permitido crescer como jogador e pessoa.' E finaliza com uma saudação à torcida do novo clube: 'Agora eu sou Mengão!'.

A postagem, como esperado, não foi bem recebida pela torcida do Cruzeiro. Centenas de torcedores 'invadiram' a conta do jogador, com muitas críticas, principalmente após a forma como Arrascaeta saiu do clube mineiro. Nem o fato de a mensagem ter sido postada como imagem 'capturada' do WhatsApp foi perdoada. Ao mesmo tempo, flamenguistas também acessaram a conta do uruguaio, dando as boas-vindas e desejando sorte.

A chegada de Arrascaeta ao Flamengo era dada como certa há alguns dias, mas só pôde ser oficializada neste sábado, quando questões burocráticas envolvendo a transferência do uruguaio do Cruzeiro para o clube carioca foram solucionadas. Assim, agora ele foi anunciado como reforço pelo time da Gávea, que anunciou ter assinado um contrato válido até dezembro de 2023 com o jogador.

Arrascaeta, de 24 anos, se profissionalizou pelo Defensor, tendo conquistado o título do Torneio Clausura de 2013 no Uruguai. Em 2015, trocou o clube pelo Cruzeiro, tendo sido bicampeão da Copa do Brasil, em 2017 e 2018, sendo que na temporada passada marcou o gol do título do torneio nacional. E no ano passado também foi campeão mineiro.

Além disso, Arrascaeta possui histórico pela Seleção Uruguaia, compondo o grupo na maior parte do ciclo da Copa do Mundo da Rússia, para a qual também foi convocado em 2018 pelo técnico Oscar Tabárez.
 

Segundo o empresário André Cury, representante do Cruzeiro na negociação, o Flamengo pagará, ao todo, 18 milhões de euros (R$ 76,5 milhões) por 70% dos direitos econômicos de Arrascaeta. Desse valor, o clube mineiro receberá 13 milhões de euros (R$ 55,2 milhões), já que detém 50% em parceria com a rede varejista Supermercados BH. Os outros 20% custarão 5 milhões de euros (R$ 21,25 milhões) e correspondem à fatia do Defensor-URU. O tempo de contrato de Arrascaeta com o rubro-negro será de cinco temporadas, até dezembro de 2023.
 
O Cruzeiro receberá o dinheiro da negociação de maneira parcelada. Cury ainda ressaltou que todo o pagamento será feito em 2019. A primeira prestação, de 7 milhões de euros, será depositada na conta bancária do clube ainda em janeiro. A segunda, de 3 milhões, terá vencimento em junho. A terceira, também de 3 milhões, será quitada em dezembro.
 
Não houve perdão da dívida do Cruzeiro de cerca de R$ 3 milhões com o Flamengo pela compra do argentino Mancuello (US$ 1,8 milhão por 60% dos direitos econômicos). Os cariocas também não assumirão os débitos do clube celeste na Fifa, referentes às aquisições do próprio Arrascaeta ao Defensor-URU (cerca de R$ 5 milhões) e do atacante Gonzalo Latorre ao Atenas-URU (aproximadamente R$ 13,7 milhões).




VEJA MAIS