Compartilhar:

CR7 faz gol antológico, Real passa fácil pela Juve e encaminha classificação

Craque português marca duas vezes e dá assistência para Marcelo fechar a conta e deixar vaga na semifinal encaminhada

3 03UTC Abril 03UTC 2018 Às 20:47

O jogo desta terça-feira, pelo embate de ida das quartas de final da Liga dos Campeões, nunca será esquecido pelos torcedores de futebol. Jogando no estádio da Juventus, em Turim, o Real Madrid contou com um gol antológico de Cristiano Ronaldo para vencer facilmente os donos da casa, pelo placar de 3 a 0, e colocar um pé nas semifinais da competição europeia.

Os outros tentos da partida, que ficará marcada pela linda bicicleta acertada pela estrela portuguesa, foram anotados também por Cristiano e o lateral brasileiro Marcelo. Por outro lado, a Juventus viu o principal destaque de sua equipe, Paulo Dybala, ser expulso durante o segundo tempo.

Principal astro dos merengues, CR7 alcançou outra marca histórica durante o confronto. Com o tento de abertura do placar, o português tornou-se o primeiro jogador a marcar gols em dez partidas consecutivas na principal competição de clubes do mundo, ultrapassando o holandês van Nistelrooy.

A partida de volta entre as duas equipes está marcada para a próxima quarta-feira, no dia 11 de abril, também às 15h45 (horário de Brasília), dessa vez em pleno Santiago Bernabéu. Para o duelo, os espanhóis contam com a vantagem, devido ao resultado obtido longe de seus domínios.

O jogo – O início da partida foi digno de Liga dos Campeões: eletrizante. Aos dois minutos, Marcelo deu belo passe para Isco, que avançou pela lateral e foi para cima da marcação. O espanhol cruzou forte para a área, e Cristiano Ronaldo, no local certo e na hora certa, se adiantou perante a forte zaga da Juve e completou difícil finalização para o gol, inaugurando o marcador.

Após o tento, os donos da casa ameaçaram com contundência a meta do goleiro Navas. A principal chance ficou por conta do atacante argentino Higuaín, que depois de cobrança de falta de Dybala, viu o arqueiro costarriquenho fazer bela defesa e evitar a igualdade.

Aos 35 minutos da etapa inicial, foi a vez do Real assustar: Isco iniciou a jogada e rolou para Benzema. O atacante francês deu a assistência, na dividida, para Kroos, que chegou batendo firme, perto da entrada da área. Entretanto, a bola subiu demais e acertou o travessão de Buffon.

Ainda assim, a superioridade do primeiro tempo foi da Juventus. A Velha Senhora teve oportunidades de deixar o marcador empatado em finalizações de Higuaín e De Sciglio, mas não conseguiu balançar o fundo das redes e foi para o intervalo atrás no placar.

Na segunda etapa, o começo do período ficou marcado por chances de ambas as partes. Se Cristiano Ronaldo ameaçou em chute cruzado, Dybala contou com um desvio na barreira em cobrança de falta próxima da área para quase marcar para os mandantes.

Foi aos 18 minutos do tempo que o astro português marcou um legítimo golaço. Após trapalhada de Chiellini, Ronaldo driblou Buffon e rolou para trás. Depois da jogada, o goleiro italiano fez uma incrível defesa, e a bola sobrou na lateral da área para Carvajal.

Aí que a estrela de CR7 brilhou: no cruzamento, o ponta acertou uma linda bicicleta, não dando chances para Buffon e fazendo o 2 a 0. A jogada pegou todo o estádio em Turim de surpresa: enquanto o próprio Zidane levava as mãos à cabeça, não parecendo acreditar no lance, os torcedores da própria Juventus aplaudiam o tento de Cristiano.

A bonita finalização e o aumento da vantagem no marcador deixaram os comandados de Allegri nervosos. Praticamente no lance seguinte, Dybala deixou o pé na cintura de Carvajal, no ar, levando o segundo cartão amarelo e sendo expulso.

Aos 25, o brasileiro Marcelo fechou o caixão da Juve. O lateral iniciou a jogada em velocidade, tabelou com CR7, driblou Buffon e ficou livre para empurrar para o fundo das redes e fazer o 3 a 0, dando números finais à partida. Já perto do apito final, Kovacic ainda acertaria a trave, quase anotando o quarto.

FICHA TÉCNICA
JUVENTUS 0 X 3 REAL MADRID

Local: Juventus Arena, em Turim (Itália)

Data: 3 de abril de 2018, terça-feira

Hora: 15h45 (horário de Brasília)

Árbitro: Cuneyt Çakir (Turquia)

Assistentes: Bahattin Duran e Tarik Ongun (ambos da Turquia)

Cartões amarelos: Bentancur e Dybala (Juventus); Sergio Ramos e Kovacic (Real Madrid)

Cartão vermelho: Dybala (Juventus) 

Gols: REAL MADRID: 

Cristiano Ronaldo, aos dois minutos do 1ºT e aos 18 minutos do 2ºT e Marcelo, aos 25 minutos do 2ºT.

JUVENTUS: Buffon; De Sciglio, Barzagli, Chiellini e Asamoah (Matuidi); Alex Sandro, Khedira (Cuadrado), Bentancur, Douglas Costa (Mandzukic) e Dybala; Higuaín

Técnico: Maximilliano Allegri

REAL MADRID: Navas; Carvajal, Sergio Ramos, Varane e Marcelo; Casemiro, Kroos e Modric (Kovacic); Isco (Asensio), Cristian

no Ronaldo e Benzema (Lucas Vázquez)

Técnico: Zinedine Zidane

Fonte: Gazeta Esportiva

Compartilhar:

AVISO: O conteúdo de cada comentário nesta página é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem.